Buscar
  • Thiago Giglio | Playfirst

Como aplicar a Felicidade Interna Bruta na sua empresa?


Você deve ler sobre Felicidade Interna bruta e talvez se perguntar: “como isto se aplicaria nos projetos da minha empresa?”


Antes de mais nada, é sempre interessante lembrar que a Felicidade Interna Bruta (FIB) é um índice de desenvolvimento humano reconhecido pela ONU e isto já traz relevância para qualquer projeto que se proponha a utilizar os indicadores do FIB de modo embasado e estratégico. Cada indicador possui um peso diferente e analisa as condições de felicidade promovidas dentro de cada cenário onde o ser humano é o centro.


Dependendo do seu projeto e da sua área (normalmente mkt, trade mkt ou RH), os indicadores do FIB podem ser aplicados de formas diferentes. Em nosso dia a dia, costumamos desenvolver projetos que se apropriam do FIB de modo a ajudar na tomada de decisões, aprovações de serviços e até no planejamento de campanhas/ações. Alguns exemplos de utilidade:


- Visibilidade dos indicadores de felicidade mais relevantes para o seu projeto para determinar o foco de suas ações com base no propósito de cada KPI;


- Mensurar as condições de felicidade do seu público no momento atual e em momentos posteriores. Via pesquisa FIB-Playfirst.


- Construir argumento técnico-emocional para aplicação de produtos, serviços ou obras que tenham impacto positivo na sociedade.


Mas como este trabalho é realizado? Na Playfirst fazemos um estudo profundo do cenário de cada cliente, mergulhamos no aspeto humano de cada público e aplicamos nossa metodologia de análise para cada caso. Cada projeto pede um tipo de desenvolvimento, o qual difere principalmente entre as áreas que irão utilizar nosso planejamento, seja para marketing, trade mkt, RH setores sociais ou ambientais.


Interessou? Fala com a gente!



11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo